Destaque C

Postado em 21/06/2018 5:27

Moradores do Alto do Itaigara se revoltam com ‘máquina de multa’ da Transalvador

.

Share Button
Share Button

Moradores do Alto do Itaigara, em Salvador, estão indignados com a Transalvador. Um morador disse que na Rua Artesão João da Prata acontece entre duas e três remoções de carros estacionados em uma área que possui sinalização dúbia.

“Existe a sinalização horizontal que permite o estacionamento, mas uma placa escondida logo adiante avisa que é proibido estacionar no local”, explica o morador.

Procurada, a Transalvador disse que o local está devidamente sinalizado e é proibido estacionar na área, mas informou que enviará uma equipe para vistoriar o entorno.

Confira o que diz a autarquia:

A Transalvador esclarece que a sinalização válida neste caso é a vertical. No local, há uma placa visivelmente posicionada, obedecendo a Resolução 180/05 do Contran, que determina que uma única placa vale para 30m para a frente e 30 m para trás. Ainda assim, a Transalvador enviará uma equipe da Gerência de Sinalização para vistoriar o local e, caso comprovada a necessidade de ajuste para dirimir dúvidas quanto a proibição, este será realizado.

BUSCAR NO SITE: