Notícias

Postado em 17/01/2017 8:08

Polícia encontra 55 armas brancas no presídio de Jequié após fuga de presos

.

Share Button
Share Button

A Polícia Militar realizou, na manhã desta terça-feira (17), uma revista em quatro dos oito módulos do Conjunto Penal de Jequié, no Sudoeste baiano. Foram inspecionados os presídios I e II, a penitenciária I, além da área de presos em regime semiaberto II. As informações são da Secretaria de Segurança Pública.

 Na revista, foram apreendidos 55 armas brancas, sendo 20 facas de cabo branco e 35 punhais artesanais. A polícia ainda encontrou 103 aparelhos celulares, 76 carregadores, 13 baterias, 20 chips de telefonia móvel, cinco cartões de memória, seis pen drives, cordas improvisadas, 94 pacotes de cocaína e dois de maconha, além de 31 trouxinhas de cocaína.

A inspeção, já realizada mensal ou bimestralmente, deve continuar na próxima semana em outros módulos do presídio, que abriga aproximadamente mil presos. Sob a responsabilidade do comandante do 19º Batalhão de Polícia Militar (Jequié), coronel Alexandre Motta Lima, a ação contou ainda com a participação da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Central), Polícia Civil, Justiça Criminal e Ministério Público.

 “A averiguação será feita por etapas em virtude do tamanho da prisão. Na próxima semana, com o apoio do Judiciário, promoveremos a revista nos outros espaços do conjunto penal”, garantiu Motta Lima. A nova inspeção será nos módulos feminino, semiaberto e religioso.
 Cinco fugiram no domingo (15)

Cinco presos escaparam do Conjunto Penal de Jequié no último domingo (15), por volta das 22h, segundo a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap).

 Os presos serraram as grades da cela e usaram duas cordas artesanais, uma para fugir do módulo, e outra para ultrapassar o muro que circunda a unidade prisional. A delegacia do município investiga o caso. A Seap também apura a situação.

Nenhum dos foragidos foi recapturado ainda. São eles João Paulo de Oliveira Lagos, Josemar Oliveira de Jesus, Matheus de Jesus Pinheiro, Moabe Souza Guerra e Vagno Ferreira Santos.

BUSCAR NO SITE: