Notícias

Postado em 21/01/2017 12:13

Prefeitura vai aumentar fiscalização do comércio informal na orla de Salvador

.

Share Button
Share Button

Até o Carnaval, a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), em parceria com a Superintendência de Transito de Salvador (Transalvador), Guarda Civil Municipal (GCM) e Polícia Militar, intensifica as ações de ordenamento do comércio informal na orla de Salvador.

O objetivo da iniciativa não é apreender mercadorias comercializadas de forma irregular, mas evitar que ambulantes ocupem os espaços públicos desordenadamente. Esse novo modelo de ação começou neste final de semana na região do Rio Vermelho, principalmente à noite.

A Semop irá atuar sempre de quinta-feira a domingo em locais com maior incidência de má ocupação do espaço público, como é o caso do Rio Vermelho. De acordo com o secretário de Ordem Pública, Marcus Passos, com a chegada do Verão e a proximidade dos festejos populares, há um aumento no fluxo de pessoas em locais com atrativos culturais, o que torna imprescindível a intensificação das operações de ordenamento na cidade.

“Especificamente no Rio Vermelho, os agentes atuarão de forma preventiva e pacífica, a fim de evitar a comercialização irregular e inadequada de produtos que possam ameaçar a saúde e a segurança de baianos e turistas, como os alimentos vendidos em espetos, bebidas em garrafas de vidro e objetos perfurocortantes”, afirma Passos, destacando que as ações serão no sentido de prevenir essa ocupação irregular do espaço público.

Além de garantir o ordenamento do comércio informal e o cumprimento às normas estabelecidas por decreto municipal, a iniciativa da Semop visa contribuir na redução da criminalidade, no combate à poluição sonora e no aumento da segurança da população com a presença da Guarda Municipal nos espaços públicos.

BUSCAR NO SITE:

O seu produto no caminho do consumidor
Outdoor, Taxidoor, Busdoor em Salvador e região Metropolitana

(Propaganda em Ônibus),